Defesa Civil em estágio de atenção

Desde a noite deste sábado, 12, o prefeito Mario Tricano e secretários municipais acompanham o atendimento aos moradores dos bairros mais atingidos pela forte chuva que atinge a região. Alimentos, água e colchonetes foram doados por empresários, atendendo a pedido do prefeito.

No Vale da Revolta, afetado por deslizamentos de terra, 30 pessoas continuam fora de casa, por medida de segurança. Já na Ilha do Caxangá e na Beira Linha, atingidos por alagamentos, as famílias já retornaram para suas casas.

Na Várzea, trecho da Rua Manuel Madruga, que ladeia o Rio Paquequer, na altura da Praça Olímpica, caiu devido à força da água e a via está interditada. Caminhões da Prefeitura estão descarregando pedras no local como forma de contenção provisória do barranco

Trabalhadores da Secretaria de Serviços Públicos passaram as últimas horas limpando as vias públicas.

O acumulado de chuva nas últimas 24 horas é de 204,6mm na Coreia; 197,6mm no Vale da Revolta, 156,4mm no Rosário e de 110,6mm na Quinta Lebrão.

Equipe da Defesa Civil segue realizando vistorias técnicas nas áreas onde houve registro de ocorrências e emitindo avisos meteorológicos para a população através da imprensa, redes sociais e de mensagens de telefone celular.

A orientação para os moradores de áreas de risco é que deixem suas casas em caso de chuva forte e persistente, e que procurem abrigo em um ponto de apoio em seus bairros.

A previsão de chuva de moderada a forte continua.

O telefone de emergência 199 funciona 24 horas.

FONTE: Prefeitura Municipal de Teresópolis
http://www.teresopolis.rj.gov.br

Esta entrada foi publicada em Blog e marcada com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *