Febre amarela: 24 mil já foram imunizados em dois dias e foco é no bloqueio a regiões rurais de Lumiar e São Pedro

O Comitê de Gestão da Saúde de Nova Friburgo garante que a população pode ficar tranquila: haverá disponíveis quantas vacinas forem necessárias ao município

20160630_144250-400x300

Vale ressaltar que a imunização contra a febre amarela terá prosseguimento em toda a cidade, pelo tempo que for preciso

A Secretaria Municipal de Saúde está dando prosseguimento nesta terça-feira, 21, a ação de bloqueio vacinal contra a febre amarela em todo o município de Nova Friburgo, com foco nos distritos de Lumiar e São Pedro da Serra e nas localidades de Rio Bonito e Serramar. Só na segunda-feira, 20, foram vacinadas cerca de 10 mil pessoas no município. Somadas as 14 mil doses aplicadas no sábado, 18, 24 mil friburguenses já foram imunizados.

Nesta terça-feira, 21 de março, nove pontos de vacinação estão à disposição da população friburguense até as 16h. Por conta da chuva do último sábado, 18, que dificultou o acesso em algumas localidades, as equipes de Vigilância da Secretaria Municipal de Saúde estão intensificando a imunização nestes pontos rurais a partir desta terça-feira, 21.

Em Rio Bonito, além de a vacinação ser realizada no posto, equipes ambulantes estão acessando os locais mais difíceis para imunizar a comunidade, estimada em torno de mil pessoas. O mesmo se dará na região da Serramar. Vale frisar que nos distritos de São Pedro da Serra e Lumiar, com população estimada em 11 mil pessoas, a vacinação segue intensificada durante toda esta semana.

Vale ressaltar que a imunização contra a febre amarela terá prosseguimento em toda a cidade, pelo tempo que for preciso. O Comitê de Gestão da Saúde garante que a população pode ficar tranquila: haverá disponíveis quantas vacinas forem necessárias ao município.

Locais de vacinação hoje:

* Policlínica Sylvio Henrique Braune, no Suspiro
* UPA Conselheiro
* Posto de Lumiar
* Posto de São Pedro da Serra
* Posto de Riograndina
* Postos Olaria//2 e 3 (PSF)
* Posto Tunney Kassuga (Olaria)
* Posto Waldir Costa (Conselheiro Paulino)

* Vale ressaltar que cada um destes postos pretende vacinar no máximo 300 pessoas por dia.

DOE SANGUE ANTES DE SE VACINAR

As pessoas que se vacinam contra a febre amarela não podem doar sangue pelos próximos 30 dias. Para atender à população e manter os estoques de sangue em dia, o Hemocentro de Nova Friburgo está funcionando em horário estendido até o dia 31 de março: das 8h às 16h, de segunda a sexta-feira.

CRIANÇAS SOMENTE COM CARTEIRA DE VACINAÇÃO

Com relação às crianças menores de 10 anos, devido à incompatibilidade existente entre vacinas, elas só podem tomar a dose contra a febre amarela mediante apresentação da carteira de vacinação.

O QUE OS PAIS DEVEM SABER ANTES DE VACINAR OS FILHOS MENORES DE 10 ANOS:

Crianças menores de 5 anos:
– Se seu filho tem menos de 6 meses: NÃO deve tomar a vacina;
– Se seu filho tem entre 6 e 9 meses: a vacina é indicada apenas em situações de emergência ou em viagens para área de risco. Converse com o pediatra;
– Se seu filho tem 9 meses: dê a 1ª dose. Uma dose de reforço poderá ser administrada até os 4 anos da criança. Após o reforço, ela estará imunizada para a vida toda;
– Se seu filho tem entre 10 meses e 4 anos e nunca tomou a vacina: dê a 1ª dose e, 30 dias depois, leve ao posto de saúde para uma dose de reforço. Pronto, seu filho já estará imunizado para a vida toda.

 QUEM NÃO DEVE TOMAR A VACINA:

– Pessoas com 60 anos ou mais (nunca vacinada ou sem o comprovante de vacinação). Só deve se vacinar após avaliação médica;
– Gestantes: a vacinação é contraindicada. Na impossibilidade de adiar a vacinação, como em situações de emergência epidemiológica ou viagem para área de risco de contrair a doença, o médico deverá avaliar o benefício/risco da vacinação;
– Imunodepressivos de qualquer natureza ou com imunodeficiência primária;
– Infectados pelo vírus HIV com imunodepressão grave;
– Em tratamento imunossupressor ou imunomodulador (corticosteróides, quimioterapia, radioterapia, imunomoduladores);
– Com neoplasia maligna;
– Com história pregressa de doenças do timo;
– Que tenham desencadeado doença neurológica de natureza desmielinizante (Síndrome de Guillain-Barré, encefalomielite difusa aguda e esclerose múltipla) no período de seis semanas após a aplicação de dose anterior da vacina de febre amarela;
– Que foram submetidos a transplante de órgãos: pacientes transplantados de células tronco hematopoiéticas (medula óssea) devem ser avaliados caso a caso, considerando o risco epidemiológico.

FONTE: Prefeitura de Nova Friburgo
http://www.novafriburgo.rj.gov.br

Esta entrada foi publicada em Blog e marcada com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *