Mamógrafo Móvel encerra atividades no Parque Madureira, finalizando a campanha Outubro Rosa no Estado do Rio de Janeiro

b_800_600_0_00_images_stories_ASCOM_MamografoMovel-inauguracao_mamografoMovel02Ao longo do mês de conscientização e prevenção do câncer de mama – conhecido mundialmente como Outubro Rosa – o Mamógrafo Móvel da Secretaria de Estado de Saúde permaneceu no Parque Madureira para atender à população do Rio de Janeiro. Durante esse período, o equipamento realizou 1751 mamografias, 659 ultrassonografias e 34 biópsias. O câncer de mama é o segundo tipo de tumor maligno mais comum no mundo. No Brasil, é o mais frequente entre as mulheres e apresenta taxa de mortalidade elevada. De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), até o final de 2015, o Brasil deve registrar mais de 57 mil novos casos da doença – destes, cerca de oito mil devem ocorrer no estado do Rio de Janeiro.

No encerramento das atividades do equipamento móvel de mamografia, em Madureira, neste sábado (31/1), o secretário de Estado de Saúde, Felipe Peixoto, fez um balanço da campanha com quantitativo de exames e ações institucionais realizadas.

“A permanência do mamógrafo móvel em Madureira foi um sucesso. A iniciativa superou todas as nossas expectativas. O grande volume de atendimentos é um reflexo do trabalho de conscientização que vem sendo desenvolvido junto às mulheres, que estão cada vez mais conscientes para a importância da busca por um diagnóstico precoce da doença, fator que é fundamental para um bom tratamento e para o aumento das perspectivas de cura. Além disso, fecha com chave de ouro a série de ações realizadas pela Secretaria de Saúde durante o Outubro Rosa”, avalia o secretário.

Quando diagnosticado no início, as chances de cura do câncer de mama ultrapassam 90%. Além de realizar o autoexame com frequência, até para que possamos conhecer seus corpos e perceber possíveis alterações, é fundamental que as mulheres conversem com profissionais de saúde e mantenham seus exames clínicos em dia.

Iluminação especial – Com apoio de parceiros que aderiram ao movimento, diferentes pontos do estado foram iluminados de rosa ao longo do mês de outubro, como as sedes do Governo do Estado e da Assembleia Legislativa – os Palácios Guanabara e Tiradentes. Durante todo o mês, a Supervia participou da ação iluminando de rosa as estações do Teleférico do Alemão. Já a Concessionária BRT, além de iluminar as estações, contou com exposição de fotos na estação Alvorada com o tema “A Mulher e o Câncer de Mama”, do Instituto Nacional do Câncer. Em apoio à causa, o Metrô Rio também iluminou de rosa o arco da estação Cidade Nova.

O Outubro Rosa ganhou ainda o apoio da maior obra de infraestrutura da América Latina. A Linha 4 do Metrô iluminou vários pontos da obra, como a ponte estaiada, no Jardim Oceânico, na Barra da Tijuca. A cor rosa também esteve presente na iluminação do Cristo Redentor e na Câmara dos Vereadores do Rio de Janeiro. Entre os dias 05 e 12, receberam iluminação rosa o Monumento em homenagem a Almirante Barroso na Praça Paris, na Glória, os Arcos da Lapa, a Igreja da Penha e a Catedral Metropolitana.

Também são parceiros das ações, a Fundação Laço Rosa, o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA), a Sociedade Brasileira de Mastologia, a Secretaria Municipal de Saúde e a Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos, por meio da Rioluz.

Ação no Maracanã – Nos dias de jogos do Campeonato Brasileiro, o principal palco do futebol no Rio também ganhou as cores da campanha. Antes das partidas, uma faixa no campo e os telões do estádio trouxeram mensagens sobre o assunto.

Mamógrafos no RJ – Nos últimos anos, o Governo do Estado ampliou a oferta de exames de mamografia. Atualmente, a rede estadual conta com nove mamógrafos. Desde 2014, a carreta do mamógrafo móvel da SES circula por todas as regiões do estado, atendendo pacientes dos 92 municípios, garantindo que as mulheres possam realizar os exames o mais perto possível de casa. Os resultados são encaminhados para a unidade básica de saúde municipal de origem. Juntos, os equipamentos de mamografia do Estado já realizaram mais de 272 mil exames.

Outubro Rosa – Criado nos Estados Unidos na década de 90, o movimento Outubro Rosa busca estimular a sociedade a refletir sobre o câncer de mama e ressaltar a importância do diagnóstico precoce. Ao longo do mês, em todo o mundo, diversas ações são realizadas para promover a conscientização e estimular a busca por informações sobre o tema, sempre lembrando que é essencial que as mulheres mantenham seus exames em dia.

FONTE: Governo do Estado do Rio de Janeiro
http://www.saude.rj.gov.br

Esta entrada foi publicada em Blog. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *