Prefeitura e Conselho Municipal firmam pacto para buscar melhoria do sistema público de saúde

O prefeito Rogério Cabral e o secretário municipal de Saúde, Luiz Fernando Azevedo, se reuniram nesta quarta-feira, 23, com o Conselho Municipal de Saúde – representante legal dos usuários da rede pública. O encontro ocorrido no gabinete do chefe do Executivo durou quase quatro horas e teve como objetivo discutir ações conjuntas para a melhoria do sistema público friburguense, entre outros temas.

“Será difícil a Prefeitura aceitar tudo o que o Conselho de Saúde quer, assim como será difícil o Conselho de Saúde aceitar tudo o que a Prefeitura deseja. Mas, com certeza, temos os mesmos objetivos e precisamos dialogar e atuar juntos num grande pacto para resolver as muitas questões existentes para melhorar a qualidade dos serviços de saúde”, destacou o prefeito Rogério Cabral propondo o pacto, aceito por unanimidade pelos membros do conselho.

Um dos pontos acertados pelas partes foi a melhoria da estrutura do Conselho Municipal de Saúde para que as ações de fiscalização das unidades públicas e dos serviços à sociedade possam ter melhores resultados. O prefeito autorizou a liberação de quatro profissionais (advogado, contador, secretária e motorista) para atender diretamente o conselho. A cessão de um espaço mais amplo da entidade será atendida assim que houver o desfecho da compra do prédio da Fábrica Ypu, adquirido pela Prefeitura através de leilão judicial. É esperado para os próximos dias a carta de arrematação do imóvel expedida pela Justiça Federal.

Os conselheiros fizeram diversas ponderações e reivindicações ao governo municipal e o prefeito Rogério Cabral propôs que as partes se reúnam periodicamente, pelo menos uma vez por mês, para um debate transparente sobre as questões de interesse da população friburguense.

O prefeito destacou ainda que todas as ações para melhoria da saúde serão discutidas preliminarmente com o conselho. Os projetos do novo organograma da Secretaria Municipal de Saúde, o plano de cargos dos servidores municipais, entre outros, que serão encaminhados nos próximos meses para votação na Câmara de Vereadores, passarão pelo aval do conselho.

O novo concurso público da Prefeitura também foi um dos temas do encontro, assim como o recadastramento de todo o pessoal da rede pública de saúde, iniciado recentemente. “As carências [de pessoal] no Hospital Raul Sertã e nas demais unidades públicas serão corrigidas e também já estamos prevendo a expansão de novos programas com a realização do novo concurso”, disse o prefeito.

As obras de ampliação do Hospital Raul Sertã (em andamento) e a implantação do Hospital de Oncologia também entraram na pauta do debate. Nesta sexta-feira, 25, será lançada a pedra fundamental do Hospital do Câncer em Nova Friburgo e a licitação para realização das obras está marcada para 4 de agosto na Secretaria Estadual de Saúde.

O governo municipal informou que está tentando a estadualização da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Conselheiro Paulino. Atualmente, o município arca com R$ 6 milhões para manter a unidade.

“A UPA é fundamental, mas pleitearmos que o governo estadual assuma o compromisso de arcar com as despesas da unidade, assim como a da UPA que será construída em Olaria. O [hospital] Raul Sertã é responsável pelo atendimento de 13 municípios e Nova Friburgo acaba pagando sozinho a conta. Estamos buscando os recursos junto aos governos estadual e federal para que haja um equilíbrio financeiro”, acentuou o prefeito.

unnamed (2)

O prefeito Rogério Cabral e o secretário Luiz Fernando com os conselheiros de saúde

FONTE: Prefeitura de Nova Friburgo
http://www.novafriburgo.rj.gov.br/

Esta entrada foi publicada em Blog. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *