Prefeitura renova e amplia frota de ambulâncias do Cegonha Carioca

Veículos transportam gestantes para a maternidade quando chega a hora do parto

unnamedA Secretaria Municipal de Saúde está renovando e ampliando a frota de ambulâncias do programa Cegonha Carioca. O serviço – que já transportou mais de 24 mil gestantes para as maternidades públicas na hora do parto – conta agora com 12 veículos (um acréscimo de 20%), equipados e tripulados por profissionais de saúde para garantir o conforto e a segurança da futura mamãe. Além dessas viaturas, a frota tem ainda outras três reservas, para, em caso de necessidade, permitir a imediata substituição de algum veículo em uso.

Pioneiro no Brasil, o Cegonha Carioca preconiza a humanização do atendimento e estimula a realização do pré-natal completo, diminuindo assim as complicações evitáveis da gravidez. Entre os benefícios oferecidos às gestantes em acompanhamento na rede pública está o Transporte Cegonha, que funciona 24 horas por dia e pode ser acionado por telefone. Uma vez chamada, a ambulância busca a gestante em casa e a leva à maternidade. Em média 1.600 mulheres são transportadas por mês.

Além do transporte, por meio do programa todas as gestantes que fazem o pré-natal em uma unidade pública de saúde no município ficam sabendo, antes do parto, em qual maternidade terão seus bebês e têm a oportunidade de visitar o local. No total, 19 maternidades fazem parte do programa (entre municipais, estaduais, federais e universitárias). Mais de 78% das gestantes atendidas pela rede SUS no município estão inseridas no Cegonha Carioca, que já beneficiou, desde o lançamento, em 2011, cerca de 120 mil mulheres.

A futura mamãe também recebe de presente o Enxoval Cegonha. Na hora de ter o bebê, tem o direito de escolher um acompanhante para ficar ao seu lado na maternidade, durante e após o parto. E depois do nascimento as fotos dos recém-nascidos podem ser vistas no Bebê Carioca online – página acessada pelo site da Prefeitura do Rio (www.rio.rj.gov.br) – e compartilhadas com parentes e amigos distantes.

FONTE: Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro
http://www.rio.rj.gov.br/web/smsdc

Esta entrada foi publicada em Blog. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *