Vigilância Sanitária interdita unidade de diálise do Hospital Evangélico Regional, em Volta Redonda

A Vigilância Sanitária Estadual interditou a unidade de diálise do Hospital Evangélico Regional Ltda, em Volta Redonda. A decisão foi tomada após inspeção que encontro várias inadequações. Entre elas a não apresentação de documento comprobatório de responsabilidade técnica médica (expedido pelo CREMERJ), nem de enfermagem (expedido pelo COREN-RJ), além das más condições das máquinas de hemodiálise, a falta de registros nas fichas de reuso, a não apresentação de manuais de normas e rotinas, o uso de hipoclorito de sódio reenvasado sem identificação legível de lote e validade, e a insuficiência de recursos humanos para o bom desempenho da atividade.
Segundo o Hospital Evangélico, a unidade atendia a 50 pacientes em hemodiálise. A transferência deles será feita pela Secretaria Estadual de Saúde em unidades localizadas no próprio município, Barra do Piraí e Barra Mansa. Para tanto, o município de Volta Redonda providenciou transporte e alimentação para todos os pacientes.
FONTE: Governo do Estado do Rio de Janeiro
Esta entrada foi publicada em Blog. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *