Vigilância Sanitária organiza força tarefa para inspecionar escolas

Técnicos irão verificar a qualidade das refeições e as condições das cozinhas e refeitórios

A partir desta segunda, dia 6, a Vigilância Sanitária vai promover visitas às mais de 1.500 escolas municipais do Rio de Janeiro, para verificar se o cardápio e as orientações nutricionais elaboradas pelo Instituto de Nutrição Annes Dias – Inad – estão sendo aplicadas e se as manipuladoras estão preparando corretamente os alimentos. Além disso, os técnicos do órgão irão verificar as condições higiênico-sanitárias das cozinhas e refeitórios. O objetivo é eliminar riscos à saúde dos alunos e trabalhadores de cada unidade escolar.

As inspeções serão feitas pelos nutricionistas do Inad e por técnicos da área de alimentos da Vigilância Sanitária, que vão participar da ação, durante todo o ano escolar. As inspeções terão caráter oficial e, em cada uma delas, será emitido um termo de visita sanitária, para que a unidade escolar se oriente sobre os procedimentos adequados para manter uma alimentação de qualidade dos alunos, sem colocá-los em risco.

Considerado o único órgão técnico municipal de nutrição do país, o Instituto de Nutrição Annes Dias é responsável pela coordenação de ações da área de alimentação e nutrição do município do Rio de Janeiro, dentre elas o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE).

Para elaborar o planejamento alimentar das escolas, os nutricionistas avaliam o perfil de cada unidade escolar, considerando o horário das aulas, a faixa etária dos alunos, a cultura do local, a sazonalidade das frutas, legumes e hortaliças.  Além dessa avaliação, também é feito um monitoramento dos alunos em condições de saúde específicas (alergias e intolerâncias alimentares, diabetes, dentre outras) que recebem adaptações individualizadas do cardápio.

A Vigilância Sanitária alerta que é direito de pais, professores e alunos terem fácil acesso ao cardápio, que deverá ser disponibilizado pela escola. O conteúdo também pode ser acessado no Diário Oficial do Município do Rio de Janeiro (doweb.rio.rj.gov.br), no Portal Carioca Digital (https://carioca.rio) e no site da Prefeitura do Rio de Janeiro (http://www.rio.rj.gov.br/web/smeel/).

O órgão também disponibiliza o número 1746 para pais e professores trocarem informações sobre a alimentação nas escolas.

FONTE: Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro
http://www.rio.rj.gov.br/web/smsdc

Esta entrada foi publicada em Blog e marcada com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *