Hemorio passa a contar com Centro de Tratamento Intensivo

Unidade está sendo submetida a intervenções para reparar problemas antigos, como o conserto de elevadores e obras nos setores de pronto atendimento, pediatria e doação de sangue

09136dc3-3891-4031-bb68-1d29da343a36Principal hemocentro do estado e unidade de referência para tratamento de doenças do sangue, o Hemorio passa a contar com um Centro de Tratamento Intensivo: são cinco leitos, sendo um isolamento, para acompanhamento de pacientes com doenças infecciosas. Em obras desde 2012, o setor já encontrava-se equipado e aguardava as intervenções para a climatização, essencial para seu funcionamento, além de obras de acabamento.

– O Hemorio é uma unidade fundamental para o atendimento que buscamos oferecer na rede de saúde pública. Já estive pessoalmente na unidade, para onde havia transferido meu gabinete, para acompanhar o início das intervenções, verificar quais são os principais problemas e buscar soluções junto com a direção. Desde então, já temos o CTI em funcionamento e reativamos o elevador de carga – destaca Luiz Antônio Teixeira Jr., secretário de Estado de Saúde.

O Hemorio contará ainda com dois leitos de Unidade Intermediária,  destinados para pacientes graves que saem do CTI. Os leitos estão sendo equipados com respiradores e aparelhos de monitoramento. A unidade também recebeu novas macas, cinco delas foram instaladas em uma enfermaria que anteriormente funcionava com cadeiras, além disso, o setor de pronto atendimento também ganhou novas macas para dar mais conforto ao acolhimento de pacientes. Ao longo dos próximos meses, estão previstas ainda novas intervenções do setor de pronto atendimento, além de intervenções na pediatria e no salão de doadores.

– As melhorias chegam num momento fundamental, em que o Hemorio vem superando dificuldades, diante do atual cenário econômico no estado e no país. Vamos continuar trabalhando para oferecer o atendimento que a nossa população espera – afirma o diretor da unidade, Luiz Amorim.

Recursos da Alerj – No início do mês, o secretário Luiz Antônio Teixeira Jr., recebeu, da Assembleia Legislativa (Alerj), a doação de R$ 2 milhões para serem investidos no Hemorio. O pedido de aporte, feito pelo secretário, foi prontamente atendimento pela Mesa Diretora da Assembleia. Os recursos foram investidos na instalação e reparos necessários para climatização – inclusive no novo CTI – e também estão sendo utilizados para aquisição da grade de medicamentos, insumos e materiais para a unidade.

Hemorio – Oferece assistência em hematologia e hemoterapia, além de coordenar a hemorrede do Rio de Janeiro. A unidade abastece de sangue mais de 150 unidades de saúde que oferecem atendimento pelo Sistema Único de Saúde (SUS) no estado do Rio. O salão de doadores funciona diariamente, entre 8h e 17h.

Quem pode doar? – Os requisitos básicos para doar sangue são: ter idade entre 16* e inferior a 70 anos, portar documento oficial de identidade com foto (identidade, carteira de trabalho, certificado de reservista ou carteira do conselho profissional), pesar no mínimo 50kg e não estar em jejum (basta evitar alimentos gordurosos nas 3h que antecedem a doação). Outras informações podem ser obtidas no Disque Sangue (0800 282 0708). *Menores de 18 anos podem doar mediante autorização dos pais ou responsável.

FONTE: Governo do Estado do Rio de Janeiro
http://www.saude.rj.gov.br

Esta entrada foi publicada em Blog. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *