CRTRs se mobilizam e fazem sua parte no Outubro Rosa

thumbnail_1446059901O mês de outubro vai chegando ao fim, mas as ações e campanhas de solidariedade e cuidado com a saúde das mulheres ficaram marcadas com exemplos positivos no Distrito Federal e no Rio Grande do Sul. Ambos os atos mobilizaram profissionais e estudantes da Radiologia, sensibilizados pelo movimento Outubro Rosa, que tem o objetivo de sensibilizar a sociedade sobre o câncer de mama.

A professora de mamografia Carolina Laurinda do Nascimento, em parceria com o Conselho Regional de Técnicos em Radiologia da 1ª Região (CRTR-DF) e com a Universidade Católica de Brasília (UCB), mobilizou seus alunos do curso de Radiologia para arrecadar produtos de higiene pessoal e alimentos não perecíveis.

Os produtos arrecadados foram distribuídos para moradoras de rua próximas a Universidade, enquanto os alimentos foram destinados a Associação de Mães, Pais, Amigos e Reabilitadores de Excepcionais (AMPARE).

IMG-20151007-WA0069

Para Carolina, o projeto de ação social foi mais do que um sucesso. “Arrecadamos 320 produtos de higiene pessoal e 97 kg de alimentos não perecíveis. O grupo assimilou bem a ideia de ajudar e contribuir ao próximo e ficamos muito felizes com a mobilização de todos. O Regional está convidado para todas as futuras ações solidárias que fizermos daqui pra frente”, agradece a idealizadora do projeto.

A equipe considera a humanização e a educação como elementos essenciais para o sucesso profissional na Radiologia. De acordo com o diretor secretário do CRTR-DF, Valcir Bezerra, “o auxílio a essas pessoas ajuda a reforçar e conscientizar os alunos sobre a importância de um bom atendimento ao paciente”.

Rio Grande do Sul

No sul do país, o Conselho Regional de Técnicos em Radiologia da 6ª Região (CRTR-RS) participou da 7ª Caminhada pela Vida. A atividade (promovida pelo Serviço de Onco-Hematologia do Hospital Conceição e pelo Grupo da Mama Conceição) fez parte da campanha do Outubro Rosa, com objetivo de alertar as mulheres e a sociedade sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama.

01(1)“Neste sentido, os grandes atores que fazem parte deste cenário são os profissionais das técnicas Radiológicas que desenvolvem a atividade de diagnóstico e, diante da confirmação do câncer de mama, o tratamento”, explica o presidente do CRTR-RS, João Batista Benitz.

FONTE: CONTER
http://www.conter.gov.br

Esta entrada foi publicada em Blog. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *